segunda-feira, 14 de março de 2011

"Entregando-me ao deleite dos prazeres de minha vida!!!"



Quanto mais eu faço minhas pesquisas para poder satisfazer minhas vontades de tornar um dia minha casinha todinha em estilo vintage, mais eu me encanto com o descubro por aí.
Nada me dá mais prazer que poder organizar, decorar e principalmente viver em minha casa. Se existe um prazer maior em minha existência, esse prazer é o de estar e viver em minha casa. Quanto mais eu permaneço dentro do meu lar mais eu quero me dedicar a ele. E o momento que vivo, tudo me leva a permanecer mais e mais aqui...dentro da minha casa.
Vejam essas inspirações que encontrei...inspirações essas que me dão intenso prazer!!!

Um quarto de sonhos...

Guadanapos fofos em estilo vintage chic muito chic
banquinhos que eu amoooooo

adororei mas...me falta coragem mas bem gostaria de umas poltronas com esse xadrez, lindoooo
Uma ideia lindinha para cozinha, lembra a cozinha de uma casa que morei quando criança, mamãe fazia essas cortininhas, praticas, simples...

Para quem tem pouco espaço ideia ótima, reparem no teto, com certeza uma espaço que reaproveitado, amei.
Ideias para coleções. Muito interessante e encantador!
Muitas vezes penso que erro ao colocar muitos quadros nas parede, mas depois dessas inspirações creio que não estou tão errada assim!







Precioso demais é de sonhar com uma cozinha assim




















Um cantinho, um aconchego na alma e no ego, um bom livro...aguardando o outono chegar com suas tardes refrescantes e suas brisas nostálgicas! Amo!

Cuidando com carinho dos livros antiguinhos, pense nisso!!!
imagens aqui



E por falar em livros que tal uma indicação, e penso ser uma boa indicação!
Indicando livro : VARIAÇÕES SOBRE O PRAZER DE RUBEM ALVES

 Eu indico e tenho certeza de que você irá se apaixonar. Eu sou suspeita pois tenho grande apreço por Rubem Alves.
Leia você não irá se arrepender!

Sobre o livro::..
Rubem propõe, então, o libertar-se de uma infinidade de “coisas tolas e mesquinhas”: uma forma de descobrir o essencial, entregar-se inteiramente ao deleite da vida. Assim, o autor traça olhares sobre a simplicidade, a beleza, o prazer.
continue a ler aqui

trecho do livro de  Rubem Alves Variações sobre o prazer. que me encantou e a poesia então...


Fruto translúcido, de polpa escorregadia, transparente, e de carnes macias, sensíveis ao mínimo toque. Sim sugiro que o caqui substitua a maçã como símbolo do desejo no imaginário religioso “ Dar uma maçã a uma mulher  é desejar-lhe saúde. Dar-lhe um caqui é fazer-lhe uma proposta...” 
trecho do livro de  Rubem Alves Variações sobre o prazer.
Na página 100 Rubem  transcreveu a lindo poema do  poeta Heládio Brito que  bem descreve o fruto ...

O Caqui       


O vento, o vento ali,                            
Mínimo sol por d’entre
Galhos, de trás, de frente,
Álacre, o caqui.


Um ser-aí. Cá, aqui.
Redondo gesto e gesta
Vegetal, e uma festa
De cor, pingo no i.

Bem maior que a pi
tanga, menor que a manga,
O seu raio (ex)sangra,
dois, vezes o pi.

A pele trans (luz). Si
Dá. A carne é mansa. E den
Tro o hirto centro: semem
te do existir e hi

fen do prazer. Não vi?
E é fruta. E ou é fruto
Do inconciente? Apbrupto
estar, não-se-aí?

Ou é silêncio ou gri
to? Ou é sumo ou suma
teológica? Uma
fruta? Fruto-em-si?

Comi? Ou não comi?
E e´acre. Doce. Pouca.
Nódoa, travo na boca.
E o vento, o vento ali.


Beijos meus,
cheios de luz, paz, amor, fé e esperança!


4 comentários:

Alfa & Ômega disse...

Rô, um arraso! Será que cometemos pecado ficar cobiçando todas essas coisas lindas? Será egoísmo sentir aquilo que vc escreveu que sente estando em sua casa que é o mesmo que eu sinto, sabendo que um dia perguntararam a Jesus: "Mestre, onde moras? E Ele respondeu que as aves tinham seus ninhos, as rapoasas suas tocas, mas o Filho do Homem não tinha onde morar"! Diz prá mim, diz! O que realmente Ele estava tentando nos dizer? Acabei de ver agora há pouco uma linda casa flutuando no mar? Nossa Rô,quanta indagação> Vou assistir o Chalita. Bjbjbj

Lucinha Cullen's Garden and Cia disse...

Rô,

O que é bonito é pra se ver.
Lindas imagens, que me fizeram sonhar também. Amo o rústico.
Só não gosto de muitos quadros na parede, como numa das imagens.
Os nossos sonhos não podem morrer.
Beijos

disse...

Sabe Maria Luiza, acredito não estar pecando por gostar de ficar em casa. quando Jesus disse tudo isso no meu entender Ele queria nos dizer que não tinha morada pois sua morada habita no coração de um nós seres humanos, e nós como seres carnais, nós sim temos morada Ele como filho de Deus não poderia ter um endereço certo.
Se nós deixarmos os sonhos morrer pra que viver? Bem disse a Lucinha os sonhos não podem morrer. E eu sou uma sonhadora!
Bjs amigas!

♥thA♥♪ ♫ disse...

Rô!

Obrigadaq....amooo vintage e shabby chic, se pudesse tbem faria tudo assim, adoro garimpar por blogs de decoração onde encontro inúmeras dicas e novidades!É uma delícia mesmo, e o poder de visualização não é maravilhoso? Não nos leva pra concretização de nossos sonhos? Então...mãos à obra e mentes adiante!Obrigada pela dica do livro, adooooro Rubem Alves,ele tem o poder de tocar o coração da gente, tudo q escreve é com muito Amor e Luz!Obrigada♥