domingo, 13 de setembro de 2009

Desidratando flores e folhas...

Flores e folhas desidratadas


Já pensando no Natal que está batendo às nossas portas, comecei a me preparar para fazer os cartões de Natalinos. Esse ano quero presentear meu amigos(as) e minha família com cartões que eu mesma vou fazer, com flores e folhas desidratadas.
A técnica que estou usando aprendi na TV no programa Shabby Chic.
Mais simples impossível. Estou desidratando as flores e folhas que fui gruardando desde o início do ano. Pra onde vou e por onde ando vou guardando. Trago pra casa e simplesmente coloque dentro de uma LISTA TELEFÔNICA VELHA. É ISSO DENTRO DE UMA LISTA TELEFÔNICA VELHA.
As folhas que a lista são confeccionadas fazem a retirada da agua existente nas flores e folhas, não retirando a cor.
Depois de colocadas bem arrumadinhas e com distância uma das outras, você coloca um marca folha com a data que colocou as folhas e flores, fecha a Lista Telefônica e coloca um peso sobre ela. Algo bem pesado mesmo. Do tipo vários livros, utensílios domésticos, etc...
Deixe-as durante no mínimo 20 dias e só depois retire-as e coloque-as em folhas de papel de seda e guarde-as em caixa com tampa.
Quando meus cartões estiverem prontos vou fotografá-los e postá-los aqui.
Escreva em cada em cada um frases pessoais e deixo-os bem com a sua carinha.
com as flores e folhas desidratadas você fazer muitas coisas do tipo::..
Quadrinhos, frente de cadernos, cartões e muitas outras opções.
Mas existem várias outras técnicas que você pode optar para desidratar folhas e flores.
Como estas abaixo::..

Como desidratar flores

Existem várias técnicas. Deve-se escolher a mais adequada para a flor e o resultado desejado.

Dicas gerais:

Os tempos de secagem variam de acordo com as plantas usadas.
É melhor cortar as flores que serão desidratadas antes de desabrocharem completamente, pois elas continuam a abrir enquanto secam.
Colha as flores em um dia seco, depois que o orvalho da manhã tiver secado. Escolha flores sadias e descarte as folhas ou pétalas secas.
Se não for secar ao natural, corte os cabos das flores. Se pretende usar em arranjos, deixe aproximadamente 3 cm e depois de secas use arame e fita de florista para criar os cabos.
Para desidratar um buquê inteiro é necessário que todas as plantas usadas possam ser desidratadas com o mesmo método. Em geral usa-se a silicagel. Se não for possível, fotografe o buquê, desmonte-o, seque as flores individualmente e torne a fazer a montagem guiando-se pela foto.
Se você pretende desidratar seu buquê de noiva pense na possibilidade de encomendar dois iguais, um para ser desidratado e outro para jogar para as convidadas. Também é interessante fazer um teste, algumas semanas antes, com um buquê semelhante para avaliar os resultados.
A silicagel pode ser reaproveitada. Basta retirar a umidade usando o forno convencional.
Se usar a técnica da areia ela deve ser bem fina, limpa, seca e sem sal. Passe por uma peneira, lave bem, seque ao ar livre e retire o excesso de umidade aquecendo no forno convencional.
Se desejar, após desidratar, passe uma camada fina de verniz spray para evitar que as flores absorvam a umidade do ar.
Guarde as flores em sacos plásticos ou recipientes bem fechados até a hora de usar em seus arranjos.

MÉTODOS

Ao ar livre
É o mais simples mas as cores são alteradas. Demora de uma a duas semanas, de acordo com a umidade das flores e do local. Remova as folhas da extremidade do cabo, faça pequenos maços e pendure de cabeça para baixo em um local seco (sótão ou armário). Evite colocar no porão, varandas ou garagens. Não encoste o maço na parede.
Para rosas, corte o cabo e cuidadosamente passe um arame de florista pelo centro de cada flor. Pendure de cabeça para baixo usando o arame e deixando um espaço entre as flores.

Glicerina
O método consiste em substituir a água existente na planta pela glicerina. Demora aproximadamente 3 semanas.
A planta deve estar bem hidratada e sadia. É excelente para folhagens como o eucalipto. Use duas partes de água e uma de glicerina. Para facilitar a mistura e absorção use água morna.
Se for usar apenas folhas elas devem ser totalmente submersas na solução. Se usar galhos, amasse a ponta para facilitar a absorção e mergulhe a parte inferior no líquido.
Após retirar da solução corte a parte que ficou mergulhada no líquido e pendure de cabeça para baixo por alguns dias para garantir que a glicerina chegue até as extremidades. A mistura de glicerina pode ser reutilizada várias vezes. Se desejar, acrescente corante de alimento na solução.

Prensagem
Muito fácil, usado em geral para flores e plantas que serão coladas em cartões ou quadros pois elas ficam "chatas". Demora de duas a quatro semanas.
Coloque as flores entre folhas de papel absorvente (jornal, lista telefônica antiga) formando um "sanduíche". Coloque o conjunto entre duas madeiras planas e um peso no topo.

Areia ou bórax
Corte o cabo da flor. Coloque uma camada de 2 a 4 cm de areia no fundo do recipiente e faça uma depressão, coloque a flor com o cabo para baixo (rosas) ou para cima (margaridas) e faça uma ligeira pressão com a areia em volta para firmar a flor no lugar.
Com a mão ou com uma colher, preencha delicadamente os espaços entre as pétalas com a mistura, começando pelas mais externas e mantendo a forma original.
Cubra toda a flor. Coloque o recipiente aberto em local quente e seco por aproximadamente 2 semanas.
No lugar da areia pode ser usado também uma parte de bórax e uma de fubá acrescentando-se 3 colheres de sopa de sal sem iodo para cada xícara da mistura. Flores secas com areia ficam muito frágeis, cuidado ao manusear. Use um pincel e delicadamente retire a areia que ficar nos vãos das pétalas.

Silicagel
Proceda como a técnica da areia, cubra toda a flor e use um recipiente que possa ser hermeticamente fechado (tipo Tupperware).
Vede com fita crepe ou coloque a vasilha dentro de um saco plástico, retire o ar do saco e lacre. A umidade da flor é absorvida rapidamente preservando as cores melhor que qualquer outro método. A maioria das flores seca em 36 a 48 horas.
A silicagel é um produto químico utilizado para retirar a umidade de ambientes e objetos. Tem a aparência do sal grosso e muitas vezes pode ser encontrada em lojas de material fotográfico. Pode ser reaproveitada, bastando aquecê-la no forno baixo para retirar a umidade. Deve ser guardada em embalagem hermética.

Parafina
Use flores frescas. Derreta a parafina, segure uma flor por vez pelo cabo e delicadamente mergulhe na parafina.
Retire, sacuda gentilmente para tirar o excesso de cera e coloque na geladeira para endurecer.

Fonte: Blog Brasileirices


Ou você pode seguir a técnica desses quadrinhos lindo e bem meigos como os da imagem .
É só clicar aqui



Use a sua imaginação e criatividade. Dê preferência ao papel reciclado, são lindos e charmosos.
Minha cabeça está cheia de ideias que quero começar a colocar em práticas.
Tais como. Fazer os cartões, caixinhas em mdf, velas, sabones, vidrinhos e muitas outras coisinhas tais como essas::..

Mais menos assim::..



Veja mais e aprenda aqui

Tenha uma linda noite de domingo!
Beijos!
Rosane!

8 comentários:

Joana disse...

Oi Rô!
Que bom que vc deixou um convite no meu blog para eu fazer uma visita. Vim e adorei na primeira postagem. Te incluí no meu blogrol para voltar mais vezes com mais tempo para ver tudo e acompanhar tuas novas postagens. Beijos
Joana

Maria Catarina disse...

OBRIGADA Dona RÔ eu vou tentar fazer a desidratação das flores e folhas e agradeço a suas dicas, pois eu amo atersanato e tudo que faço eu gosto e recebo elogios, e semore sonhei em aprender a desidratar as plantas, bjs, com carinho

NIKA OLIVER disse...

oi vovozinha!!!muito fofa voce! Estava passeando por ai, e resolvi saber como desidratar folhas... claro; te encontrei pelo caminho.Após ler como fazer,fiquei passeando pelo bosque. Muito simpático...logo me identifiquei contigo ... quando disse " sou desligada"... voce não tem idéia do quanto sou, até dei risada. ´so para resumir.. consigo queimar em dois dias 5 panelas... e ainda penso que a vizinha esqueceu algo no fogo... fico esperando a fumaçinha para poder avisar..kkk pode!?foi um prazer...

Wanderlucia disse...

Oi vovó Rô.....estava procurando como desidratar folhas, quando encontrei vc. Adorei suas dicas.
beijos.

Wanderlucia

Luanir disse...

ola .
poderia me dizer como faço para deixar um buquet de noiva na cor natural?
qua
l o passo a passo?.
meu nome é Luanir, sou de Caratinga mg.

Vania disse...

Adorei suas dicas. Até agora só estava utilizando as revistas. Tenho feito marcadores de livros. Depois de secas levo para plastificar e deixo um pedaço do plástico para amarrar umas fitinhas coloridas.Vou tentar agora suas técnicas pois perde um pouco da cor e com a plastificação mais ainda. Abraços Vania

Emanuelle disse...

Amei suas dicas sobre desidratação de flores.... Muito obrigada!

vovó ziza disse...

oi vovó,qual sua tecnica para manter as cores?tenho muita vontade de brincar com flores secas..obrigada pela atençao