terça-feira, 2 de março de 2010

"MENU DE RECEITINHAS ÁRABE"


 Que tal uma comidinha Árabe. Eu amo de paixão todas as receitinhas do mundo Árabe, todas sem exeção.
Hoje vou colocar aqui uma coletânea de receitinhas Árabe, fazendo assim um pequeno menu que é bom para mim e com certeza será ótimo para vocês também.

Comer bem sempre
A comida farta à mesa é conhecida mundialmente. Colocar um árabe sentado à uma mesa com pouca variedade de alimentos, ou porções não generosas é uma ofensa de primeiro grau. Para ele, “o degustar dos alimentos” tem conotação também de encher a vista. Tem que haver mesa cheia e pronto. Precisa se fartar e ver que ainda sobrou muito, mesmo que este prato retorne para a mesa no dia seguinte, juntamente com outros (isso não é problema algum, o tempero pegará melhor...).CONTINUE LENDO

Salada de pêssego com iogurte e mel

Ingredientes: Salada refrescante de pêssego com damascos secos, iogurte e mel. • 1 copo de iogurte ou coalhada fresca • 2 col. sobremesa de suco de limão • 3 col. sobremesa de gergelim • 2 col. sobremesa de mel • 1 col. sobremesa de mostarda • 2 pêssegos grandes descascados e cortados • Aipo picado • 1 col. de sopa de salsinha picada • 2 col. de sopa de cebola picada • 4 damascos secos cortados em tiras Modo de Preparo: 1.    Misture o iogurte com o suco de limão e mel e reserve.
2.    Em outro recipiente misture o Damasco, o aipo, o gergelim, a salsinha, os pêssegos e as cebolas.
3.    Adicione o molho à mistura de damasco e mexa bem.
4.    Deixe esfriar por três horas na geladeira antes de servir.


Não sabe fazer quibe frito? Fácil é so seguir o passo a passo

Quibe frito

Ingredientes: Saiba como preparar o delicioso Quibe Frito de Carne Original - Receita tradicional do mundo árabe. Massa
•    1 kg de trigo para quibe
•    500g de carne moída (patinho ou filé minion)
•    1 cebola grande
•    1 col. chá de sal
•    ½ col. chá de pimenta síria
•    Óleo para fritar
•    Água gelada para modelar

Recheio
•    500g de patinho moído
•    2 col. sopa manteiga
•    5 cebolas picadas
•    1 xícara de pinole torrado
•    ¼ col. chá de sal
•    ½ col. chá de pimenta do reino
•    ½ col. chá de pimenta síria
•    1 pitada de canela em pó
Modo de Preparo: Massa
1.    Deixe o trigo de molho na água por 15 minutos, escorra a água e esprema com as mãos para tirar todo o excesso.
2.    Misture o trigo com os temperos da massa e processe bem no processador, se precisar em várias porções. Reserve.
3.    Processe bem a cebola, retire e misture com a carne moída e processe novamente com a carne em pequenas porções.
4.    Misture usando as mãos a carne processada ao trigo com o auxilio de um pouco de água gelada se necessário, até obter uma massa homogênea e macia. Cubra com um pano e deixe na geladeira por 30 minutos.
Recheio
1.    Doure as cebolas raladas na manteiga com os temperos em fogo alto, acrescente a carne e continue mexendo até cozinhar.
2.    Retire do fogo e misture o pinole.
Montagem
1.    Molhe as mãos com um pouco de agua gelada forme uma bola de 3cm de diâmetro com um pouco da massa.
2.    Com o dedo indicador fure a bola e rode a massa na palma da mão até obter um formato parecido com a casca de um ovo
3.    Coloque um pouco do recheio (1 colher de sobremesa) e feche a ponta.
4.    Frite no óleo em alta temperatura até fica da cor marrom escuro.
- Veja como modelar o quibe frito de carne
Quibe FritoQuibe FritoQuibe FritoQuibe Frito
Quibe Frito

Dicas Arabesq:
•    A carne tem que ser limpa, sem gordura ou nervuras.
•    É recomendável usar trigo claro fino que pode ser encontrado em lojas de especialidades árabes, ao invés do escuro grosso encontrado nos supermercados.
•    Muito recheio não é sinônimo de bom quibe, o importante é o equilíbrio. O recheio sempre fica solto dentro da massa.
•    Quanto menos carne for usada para dar liga ao trigo e quanto mais fina for a massa do quibe o mesmo será considerado de melhor qualidade.
•    Caso deseje, pode tornar o recheio mais suculento e gorduroso acrescentando mais manteiga ou até pedaços de gordura de carneiro, mas a casca tem que continuar macia e seca mesmo após a fritura.
•    Sirva quente acompanhado de coalhada fresca.
•    Este quibe frito não é o mesmo usado para os ensopados. Continue acompanhando o Portal Arabesq que em breve publicaremos outras variações.



Para começar a esperar o outono que já está quase batendo às portas, que tal bem à noitinha, só para relaxar, uma deliciosa sopinha do mundo Árabe...???

Sopa de espinafre com quibe

Ingredientes: Que tal esquentar os dias frios com uma deliciosa Sopa de Espinafre com Quibe preparada do jeito árabe. •    250g de espinafre
•    6 copos de água
•    2 tabletes de caldo de frango ou legumes
•    4 quibes fritos
•    1 col. sopa de arroz
•    1 col. sopa de coentro picado
•    Sal a gosto
•    1 pitada de pimenta síria
•    1 cebola picada
•    3 dentes de alho picados
•    1 col. sopa de manteiga ou azeite
•    1.col. sopa de suco de limão
Modo de Preparo: 1.    Lave bem o espinafre antes de picar
2.    Em uma panela funda doure a cebola na manteiga
3.    Acrescente o alho e o espinafre e refogue mais um pouco
4.    Acrescente o restante dos ingredientes exceto o arroz
5.    Mexa até levantar fervura, corrija o sal e acrescente o arroz
6.    Após 15 minutos acrescente os quibes fritos e deixe por mais 5 minutos.
Bom Apetite!!

Dicas Arabesq:
É comum no mundo árabe o uso do quibe dentro das sopas, e muitas vezes são quibes de receitas diferentes daquela usada para o quibe frito. Em breve colocaremos todas as variedades de quibe do mundo árabe. Mas nada impede você de usar o tradicional quibe frito do Brasil como um acompanhamento para a sopa.
Em algumas regiões são acrescentados leite e batata à sopa. Se quiser experimentar, coloque 300ml de leite e uma batata pré-cozida cortada em cubos substituindo o arroz, junto aos outros ingredientes antes do cozimento por 15 minutos.
Em restaurantes é comum processar todos os ingredientes formando um creme de espinafre para servir, e decorando com um pouco de creme de leite.



E as beringelas e abobrinhas recheadas??? Tem comidinha mais saborosa...me diz...???

Beringelas recheadas a moda árabe, pode substituir por abobrinhas

Ingredientes: A receita original da Berinjela recheada com carne moída e arroz. • 1kg de berinjelas pequenas
• 3 cebolas médias picadas
• 1 lata de molho de tomate
• 2 tomates picados
• 500g de carne moída
• 1 copo de arroz cru
• 2 col. sopa salsinha picada
• Azeite para refogar
• 1 col. sopa de Pimenta Síria
• 1 pitada de canela em pó
• ½ copo de suco de limão
• 1 e ½ copo de água
• 1 col. de chá de melaço de romã (opcional)
• 3 dentes de alho picados
• Sal a gosto
Modo de Preparo: 1. Junte a carne moída crua com o alho, a salsinha, a cebola, um pouco do tomate, o arroz, a Pimenta Síria e o sal, misture tudo com as mãos.
2. Lave as abobrinhas e não descasque, corte a cabeça das berinjelas e retire o miolo com o furador de berinjela, ou uma colher de chá. Tome cuidado para não furar o fundo da berinjela
3. Junte um pouco do miolo retirado com a mistura da carne moída
4. Use as mãos para rechear as abobrinhas com a mistura da carne e arroz
5. Refogue o molho de tomate e as cebolas no azeite e acrescente o tomate e deixe cozinhar um pouco
6. Coloque todos os temperos restantes
7. Acrescente as berinjelas recheadas ao molho e cubra com a água
8. Deixe cozinhar por aproximadamente 20 minutos
Dica: para servir retire as berinjelas do molho e sirva o molho separado em outro recipiente.
Curiosidade: No Líbano e alguns outros países árabes não é usado o arroz na receita, mas a berinjela recheada tradicional é feita da forma descrita acima.


Obs: Para retirar o miolo da berinjela costuma-se usar um utensílio próprio, o perfurador de abobrinha, mas é importante lembrar que não se deve perfurar a berinjela pelos dois lados ao retirar o miolo.
Dica2: Para não perfurar a base das berinjelas, meça com o próprio perfurador pelo lado de fora o tamanho da berinjela e marque com o dedo no perfurador até onde você pode perfurar a berinjela.

Sirva com arroz branco bem quentinho.

 Toda essa coletãnea de receitinhas vieram do Portal Arabesq clique no link ao lado e conheça é encantador.



UM POUQUINHO DA CURIOSIDADE DA VOVÓ RÔ::..


 

História

Originalmente, os árabes da península Arábica baseavam sua alimentação numa dieta de tâmaras, trigo, cevada, arroz e carne, com pouca variedade e uma ênfase em produtos similares ao iogurte, como o labneh (لبنة). À medida que os povos semitas indígenos da península se expandiram pelo Oriente Médio e pelas regiões vizinhas, seus gostos e ingredientes também variaram.
Existe uma forte ênfase nos seguintes itens, na culinária árabe atual:
Muitas das especiarias utilizadas na culinária árabe também são usadas com ênfase na culinária indiana; isto é resultado de um comércio intenso ocorrido historicamente entre as duas regiões.
FONTE AQUI


 Beijos e beijos!
Rosane!



2 comentários:

Deusa disse...

Ha não...hoje esta demais....vou salvar pra ler com calma....estou num correria...se marido permitir(deixar eu ficar um pouco nesse computador,ele tem lep top,mas joguinho e so aqui),eu vou ler e printar as receitas.Beijo Rô.
Deusa
vasinhos coloridos

♥ stefy disse...

oh, ma tutto questo è bellissimo!