segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Vamos frear um pouco a "COISA RUIM"

Cuidar da nossa saúde e da saúde dos nossos é um dever de devoção e amor para qualquer mãe, dona de casa, enfim qualquer ser humano que ama o outro como a si mesmo.
Essa é uma das propostas desse meu blog. Aqui tento passar com carinho tudo o que acho que é bom para mim deve ser bom para quem vem até aqui me visitar.
Meu netinho ainda quando estava aprendendo as coisas básicas para o inicio de sua vida, aprendeu a falar com minha nora que refrigerante é coisa ruim.
Ele queria saber o que era aquele liquido preto que todos tomavam quando se sentavam à mesa para fazer as refeições. Minha nora respondia ; " MATEUS ISSO É COISA RUIM".
A partir daí quando ele quer refrigerante ele pede; "QUERO UM POUCO DE DE COISA RUIM"

Sem querer ela ensinou a ele que refrigerante é uma bebida que faz mal a saúde, quando engerida sem controle. Não que não possamos tomar, mas o que não podemos é substituir o velho e saudável suco de frutas natural como muitas mães estão fazendo hoje em dia.
Se a criança não quer o leite ou o alimento lá vamos nós e entupimos as crianças com COISA RUIM, COMO DIZ MATEUS.

Vejam a pesquisa do PRO TESTE que encontrei nessa matéria::..

A PRO TESTE (Associação Brasileira de Defesa do Consumidor) realizou uma pesquisa com refrigerantes – nas versões tradicionais, light e zero que apontaram resultados preocupantes com relação às substâncias presentes nos mesmos que podem fazer mal à saúde [(Ver Revista Pro-Teste nº 80]. Algumas dessas marcas possuem substâncias potencialmente cancerígenas (benzeno) e contém corantes que podem estimular alergia e hiperatividade em crianças.

A pesquisa foi realizada com 24 refrigerantes, sendo que sete desses possui benzeno (substância cancerígena). O benzeno é proveniente da reação do ácido benzóico com a vitamina C. O critério para considerar a quantidade “ideal” desse composto foi tomar a água potável como referência que possui o limite de 5 microgramas por litro.

A Sukita Zero – 20 microgramas e Fanta Light – 7,5 microgramas são os casos mais preocupantes. Produtos como Dolly Guaraná, Dolly Guaraná Diet, Fanta Laranja, Sprite Zero e Sukita estavam abaixo desse limite. [Confira o quadro adaptado pelo Site Mulher Digital].

Corantes como chamado amarelo crepúsculo já foi banido na Europa (estudos mostram que esse favorece hiperatividade infantil). E outros, como o amarelo tartrazina, provocam alergia em crianças. O mais incrível, segundo jornais, é que muitos desses refrigerantes citados não citam nenhuma dessas substâncias em seus rótulos.

A divulgação dessa pesquisa em larga escala é muito importante para alertar os consumidores. Embora algumas dessas empresas se justifiquem dizendo que seguem os padrões de qualidade e a legislação brasileira, essa pesquisa aponta que nem sempre isso é verdade. Em alguma medida, isso aponta um relativo descaso com os seus clientes. E o pior! Com as crianças.

Aquilo que já sabemos também foi apontado nos resultados. Os refrigerantes possuem pouco valor nutricional e muito sódio – o que pode favorecer a ocorrência de hipertensão!

fonte aqui

Cuide da sua saúde e da saúde dos que você ama!

Semana de luz, paz e muito amor pra você!
Rosane!

2 comentários:

Rose disse...

Adorei seu blog.
Parabéns pelas receitas e artesanatos lindos!
beijos.

Dany Lombardi disse...

Olá!
Vim conhecer o seu cantinho. Adorei as receitinhas e as artes!
Vim também te convidar para conhecer a promoção que estou fazendo em meu blog.

http://danylombardi.blogspot.com/2009/09/promocao-dany-lombardi.html

Confira!

Beijinhos